Criança pede respeito
0 Avaliações

Criança pede respeito: Ação educativa na creche e na pré-escola


Altino José Martins Filho (Org.)
Disponibilidade: Em estoque ISBN 9788577060030 2ª ed. 224 p. 17 cm x 25 cm

Os textos reunidos neste livro apontam para uma concepção de criança como um pequeno cidadão, que vive em sociedade, que produz cultura e cujas diferentes linguagens precisam ser ouvidas e respeitadas pelos adultos, o que representa um avanço teórico na área em consonância às diretrizes legais vigentes em Educação Infantil. A cultura, compreendida como construção social e histórica, assim como a ação mediadora dos educadores são abordadas no texto como temas centrais no trabalho com bebês e crianças pequenas. Nesse sentido, destacam-se alguns capítulos que tratam sobre práticas de socialização entre adultos e crianças em creches, a ação pedagógica democrática e participativa na infância, a creche como lugar de brincadeiras, de liberdade, de interação, de protagonismo infantil, o desenvolvimento de experiências essenciais, a organização de ambientes generosos e a complexidade da ação docente com bebês e crianças pequenas.

R$ 47,00 R$ 42,30 Em até 6x de R$ 7,05 sem juros

Sumário

Introdução

Crianças: traços e retratos que a diferenciam
Altino José Martins Filho

Marcas do cotidiano: um clique nas culturas infantis
 
Crianças e adultos: marcas de uma relação 
Altino José Martins Filho

Como se dão as relações sociais entre adultos e crianças?
Entre o permitido e o transgredido: tensões e contradições
nas práticas de socialização entre adultos e crianças
"Deixa, quando ela voltar, pega o balanço pra gente!"
Crianças e suas marcas de alteridade
Criando espaços de resistência
Regras e estratégias nos processos de socialização
Onde ficou a infância dos adultos?
 
A participação das crianças nas práticas pedagógicas na Educação Infantil 
Kátia A. Agostinho

Democracia e participação:
elementos-chave para a justiça social
Reconhecimento das crianças como cidadãs
Educação Infantil democrática e participativa
Consulta versus participação
Finalizando este texto-conversa
 
Creche e pré-escola é "lugar" de criança?
Kátia A. Agostinho   

Um lugar de brincadeira
Um lugar de liberdade
Um lugar para se movimentar
Um lugar para se encontrar
Um espaço para viver coletivamente
Um lugar para ficar só no seu canto
Um lugar para sonhar
 
"Você viu que ele já está ficando de gatinho?" Professoras de creche e desenvolvimento infantil
Fernanda C. Dias Tristão

A criança nos fios da modernidade:
o papel da psicologia do desenvolvimento
Concepção de criança-bebê: determinante de práticas
Práticas pedagógicas pautadas nas "nossas" crianças
Para finalizar
 
A sutil complexidade das
práticas pedagógicas com bebês
Fernanda C. Dias Tristão 

Um trabalho que não se vê, que não se valoriza
Uma jornada bem-intencionada
Contextos educativos humanizantes
Aprendizagem fundamental: mediação e interação
Experiências que valem a pena ser narradas
Experiências significativas para as crianças?
Experiências essenciais
Cultivando-se ambientes "generosos"
O extraordinário com crianças pequenas
 
A "hora da atividade"
no cotidiano das instituições
Ilona Patrícia Freire Rech

Atividades impregnadas do modelo escolar?
Atividades que servem para "ensinar" coisas?
Um tempo de direitos, um tempo a ser vivido
Práticas cristalizadas que se evidenciam nas rotinas
Ultrapassando as velhas retóricas em termos de rotinas
Para a professora, uma atividade;
para a criança, um diálogo com o mundo
Atividade: momentos de múltiplos fazeres e saberes
A singularidade plural
Tempo de ser criança?
Um espaço de ensaio, de imaginação, de questionamento


 
 

BNCC

Níveis de Educação

Ensino Fundamental - Anos Iniciais
Educação Infantil

Temas Abordados

Brincadeiras
Currículo
Infância
Planejamento
Relação escola-família
Newsletter

Assine nossa newsletter